"Esta é a história de três homens unidos pelo amor de um extraordinário casal que os adotou, dando a eles uma família. Agora, já adultos e vivendo cada uma a sua vida, os irmãos Quinn devem retornar à casa da família na costa de Maryland para honrar um pedido irrecusável. Campeão como piloto de barcos de corrida, Cameron Quinn já viajou pelo mundo gastando o dinheiro que ganha em suas vitórias com champanhes e mulheres. Quando seu pai, no leito de morte, o chama de volta para casa a fim de tomar conta de Seth, um menino problemático e rebelde, não muito diferente daquele que o próprio Cameron fora no passado, sua vida muda da noite para o dia. Depois de anos de independência, Cameron tem de reaprender a conviver com seus irmãos novamente, ao mesmo tempo em que luta para cozinhar, limpar a casa e cuidar de um menino muito complicado. Antigas rivalidades e novos ressentimentos surgem entre Cameron e seus irmãos, mas eles tentam deixar de lado todas as diferenças pelo bem de Seth. No fim, caberá a uma assistente social a responsabilidade de decidir o destino do garoto. Tão bonita quanto firme, ela tem nas mãos o poder de unir os Quinn novamente... ou separa-los para sempre."

Autora: Nora Roberts
Editora: Bertrand Brasil
Páginas: 378
Classificação: 4/5
Formato da leitura: Físico

Este é o primeiro livro da Trilogia da Gratidão, e o primeiro irmão em foco é Cameron. Cam, Ethan e Phillip são irmãos de criação, adotados quando menores pelo casal Ray e Stella Quinn. Cada um deles seguiu seu caminho, porém quando Ray está em um leito de hospital após um acidente grave, os três precisam se unir para cumprir seu último pedido: cuidar do novo menino adotado por ele, Seth.

Cameron é o mais "esquentado" dos irmãos, e ama sua vida libertina. Ele viajou por muitos países competindo em suas corridas, gastando seu dinheiro em coisas materiais. Quando precisa voltar à Baía Chesapeake para cuidar de uma criança, sua vida vira de cabeça para baixo.

Anna Spinelli é a assistente social designada para acompanhar o caso, e ela precisará decidir se o menino deve ou não ficar com esta família de irmãos. Os três irmãos estão empenhados em cumprir esta promessa, porém logo sentem que precisam decidir-se entre manter seus estilos de vida ou cumprir com afinco a promessa de cuidar do garoto de apenas 10 anos.

Cam logo sente-se atraído por Anne, e é correspondido, e os dois começam a se aproximar, porém sem deixar que isso abale a relação profissional que ela exerce, em observar a família e sua interação com o menino. Em pouco tempo a guarda provisória do menino é entregue aos três irmãos Quinn, mas ainda há dúvidas com relação a uma estada permanente.

Eu amei a forma como estes meninos, antes largados e abandonados pelos próprios pais, se tornaram homens honrados por conta do cuidado e amor do casal Quinn. Quando Seth chega a esta família, é logo tratado como um irmão, apesar da diferença de idade e da reserva do menino.

Porém, tratado como um igual, Seth logo começa a se sentir confortável em sua nova casa e com seus irmãos adotivos, e começa a revelar suas melhores qualidades conforme o tempo ao lado deles aumenta. Além, ele começa a se livrar de traumas de seu passado, traumas que foram provocados por aqueles que deveriam defendê-lo, sua família biológica.

O livro tem uma estória fluída e que me deixou ansiosa para ler as estórias dos outros irmãos Quinn, além de curiosa a respeito do grande mistério por trás da adoção de Seth e sua relação com Ray Quinn. Esta é uma estória sobre amor fraternal, carinho e gratidão; e a recomendo a todos os leitores que apreciem estórias sobre uma família e fale a respeito de adoção.

Deixe um comentário

Seu comentário será sempre bem vindo!

Divulgação de blogs