Em dificuldade financeira, o piloto Han Solo (Alden Ehrenreich) e sua namorada Qi'ra (Emilia Clarke) buscam algum trabalho. Eles conseguem pôr as mãos em uma substância valiosa, mas perigosa, que acaba levando à perseguição do Império e à separação entre os dois. Preocupado, Han usa toda a sua esperteza para se infiltrar num plano arriscado, mas que pode render a oportunidade de voltar à terra natal e reencontrar a sua amada. Caso ele falhe, vai ter que prestar contas ao perigoso Dryden Vos (Paul Bettany). No caminho, o piloto encontra parceiros importantes, como Chewbacca (Joonas Suotamo) e Lando Calrissian (Donald Glover), o proprietário original da Millennium Falcon.


Título Original: Solo - A Stars Wars Story
Ano de Lançamento: 2018
Direção: Ron Howard
Classificação: 3/5

Sem dúvida, os grandes momentos do filme são o início da amizade entre Han e Chewie, a maneira como Han conseguiu pilotar a Millenium Falcon no percurso de Kessel e como posteriormente a conquistou em um jogo de cartas com Lando.

Há outras duas cenas ao final, que não comentarei muito para não estragar sua experiência ao assistir o filme. Mas uma foi uma surpresa positiva, relativa a um caçador de recompensar a lá Boba Fett, enquanto a outra cena me deixou confusa com a linha do tempo no filme, mostrando um personagem que apareceu em uma das grandes trilogias.

Confesso que me decepcionei um pouco. Ele é um bom filme, mas para o nível de Star Wars, foi um filme fraco. Dos filmes únicos de Star Wars, fora das grandes trilogias, Rogue One conseguiu me passar mais emoção e empatia por seus personagens do que Solo.

Dos novos personagens inseridos em Solo, gostei apenas da robô L3-37, que me pareceu uma versão feminina e falante do R2D2, que é o meu robô preferido de Star Wars. Quanto aos outros, achei alguns forçados e desnecessários.

Preciso elogiar a atuação dos atores que interpretaram Han e Lando. Conseguiram me passar a sensação que eram os melhores atores para interpretar os personagens que já conhecíamos, mais jovens!

Se você já assistiu ao filme, venha conversar nos comentários. Em resumo, o filme é divertido para conhecer melhor o passado de Han, Chewie e Lando. Mas não espere algo épico e grandioso ao nível das grandes trilogias de Star Wars.

Deixe um comentário

Seu comentário será sempre bem vindo!

Divulgação de blogs